sábado, 25 de outubro de 2008

Ministro do Trabalho vem a SP celebrar os 42 anos de Fundacentro

O Ministro do Trabalho e Emprego, Carlos Lupi, estará em SP, amanhã, 24 de outubro para prestigiar os 42 anos de existência da Fundacentro, única instituição da América Latina voltada para pesquisas em segurança e saúde do trabalhador.
A Fundacentro foi a primeira instituição pública no Brasil a ter uma estrutura administrativa tripartite prevista em norma jurídica, idealizada pelo doutor Eduardo Gabriel Saad, durante o governo do ministro do trabalho, Arnaldo Sussekind.
Vinculada ao MTE, acumula em seu histórico de atuação, trabalhos que desempenharam papéis importantes no combate aos acidentes e doenças ocupacionais.
Remonta da década de 70, os altos índices de acidentes de trabalho que, em meio a um boom econômico, resultou em aumento da produtividade na construção civil e conseqüentemente no aumento de óbitos de trabalhadores do setor. Foi nessa década que a instituição destacou-se pela sua atuação em difundir conhecimentos e capacitar profissionais até o início dos anos 80.
A década de 80, embora conhecida como a “década perdida” na economia brasileira, trouxe ao mesmo tempo ao mercado de trabalho, integração e expansão em ritmo acelerado, o que exigiu da Fundacentro um caráter ainda mais desafiador de responder pelas crescentes demandas de sindicatos, associações, ministério público do trabalho, e mostrar, por meio de seu potencial técnico, as causas que acometiam os trabalhadores nos diversos segmentos do trabalho.
Sua atuação se faz presente nas áreas rural e urbana. São propostas, intervenções técnico-cientí ficas, projetos nacionais e atividades integradas e multidisciplinares, as quais atendem a indústria da construção, o segmento de máquinas injetoras, galvanoplastia, mineração, trabalho portuário, serras circulares, trabalho dos motoboys, benzeno, agricultura, educação, silicose, trabalho de gênero, construção civil, cortadores de cana, marmorarias, resíduos sólidos, inclusão de pessoas com deficiência, organização do trabalho, e a mais recente “revolução industrial”, conhecida como nanotecnologia e seus impactos na saúde dos trabalhadores.
Para a comemoração do aniversário dos 42 anos, foram convidados os chefes das 11 unidades descentralizadas da Fundacentro no Brasil e os Superintendentes Regionais do Trabalho, os quais, em oficinas separadas, falarão sobre perspectivas, atuação e propostas entre o Ministério do Trabalho e Emprego, a Fundacentro e as Superintendências Regionais do Trabalho.
Entrevista coletiva será concedida pelo ministro e dirigentes da Fundacentro, às 10h do dia 24, nas dependências da Fundacentro, 3º andar.
Mais informações poderão ser obtidas junto à Assessoria de Comunicação Social da Fundacentro, pelos telefones (11) 3066.6334 – 6030 – 6091.

Nenhum comentário: